A PasseVIP dá 5 dicas de organização e segurança em eventos para público da terceira idade.

Publicado em 6 de agosto de 2015

Um nicho que tem crescido bastante é a produção de eventos para idosos. O aumento da perspectiva de vida em decorrência dos avanços na saúde, na consciência nutricional e corporal, entre outros outros fatores, favorece para que os idosos vivam com mais qualidade e de maneira ativa. Sendo assim, a terceira idade vem sendo considerada como um público extremamente interessante e rentável.

No entanto, antes de direcionar para este segmento, é importante entender as suas peculiaridades e os níveis de exigência.
A PasseVIP reuniu 5 dicas para facilitar o planejamento de evento para a terceira idade. São eles:

1. Local do evento
Escolha o local onde o evento se realizará considerando: 1) Capacidade de público do lugar, para que o número estimado de participantes esteja em sintonia com a quantidade de pessoas que o local comporta; 2) As condições de acesso: evite sempre colocar riscos à saúde dos idosos. Nada de lugares que não tenham rampas ou corrimões em pontos específicos e pisos antiderrapantes, por exemplo; 3) Estrutura e conforto: evite escolher lugares que não possuem, por exemplo, estacionamento próprio. Dependendo do evento, também é interessante oferecer um serviço de busca e entrega em casa, visto que muitos idosos nem sempre têm condições de ir sozinhos e nem todos contam com pessoas para acompanhá-los até eventos.

2. Horário do evento
Os cuidados nas suas decisões a respeito de detalhes de cada evento também devem incluir precauções ao fechar o horário. O ideal é que a hora para começar não seja muito tarde, afinal de contas, idosos não apresentam mais aquele pique para ficar até altas horas dançando ou fazendo qualquer outra atividade capaz de deixá-los cansados.

3. Alimentação no evento
O recomendável é consultar um profissional especializado para definir os alimentos mais saudáveis para o público de idade avançada, sem fazer que este perca a vontade de comer ao ver os quitutes e outras opções fornecidas por você. Alimentos diet e light tendem a fazer sucesso, pois muitos idosos já estão acostumados com esses alimentos, que fazem parte da sua rotina em função de problemas de saúde recorrentes.
E já que estamos falando em comida e bebida, também é fundamental se preocupar com o serviço de garçons, que deve ter tanta qualidade quanto o de preparo dos alimentos. Sendo assim, contrate pessoas qualificadas e pacientes, afinal, idosos podem demorar um pouco mais na hora de decidir o que vão querer.
Outro ponto interessante e que pode dar um grande diferencial ao seu evento, é considerar as necessidades individuais de cada idoso. Levando em conta que algumas restrições se aplicam para uns e não para outros, como diabetes, por exemplo. Para isso, a PasseVIP sugere a utilização de pulseiras de identificação com cores associadas as restrições de cada grupo de idoso. Dessa forma, a equipe organizadora poderá atender de maneira adequada e, principalmente, evitar transtornos.

4. Atenção a cada tipo de evento
É bom saber que cada tipo de evento requer alguns diferenciais, com o intuito de possibilitar uma grande satisfação do público. No caso de um baile dançante, por exemplo, a atenção às músicas é um fator-chave. Portanto, contrate um DJ antenado com os gostos do público ou uma banda capaz de fazer a alegria dos idosos, a partir de uma seleção musical cheia de clássicos.
Quando o público estiver animado e participativo, é bacana permitir uma interação maior, incluindo sugestões musicais no repertório e até a apresentação do próprio público, numa espécie de show de talentos, pois muitas pessoas adoram mostrar que sabem cantar e dançar.
Um tipo de evento mais sério, mas não menos atrativo, é o leilão. Basta ser criativo para produzir um leilão bem divertido para a terceira idade. Além de cuidar da seleção dos objetos que serão leiloados, escolha a dedo quem vai ser o leiloeiro. Quanto mais descontraído for o leiloeiro, melhor será o evento.
Por fim, não dá para falar de eventos da terceira idade sem citar os tradicionais bingos. Tome cuidado para não confundir os participantes durante as rodadas. Contudo, isso não quer dizer que não é possível inovar um pouco, seja no tipo de bingo ou na forma de marcação. Por conta disso, pesquise diferentes maneiras de fazer bingos adequados ao seu público-alvo.

5. Medidas de segurança
De forma semelhante a outros eventos, é indispensável contar com medidas de segurança para garantir a proteção de todos os envolvidos no evento para idosos. Mais do que ficar atento a questões imprescindíveis para prevenção de acidentes na estrutura do local, bem como no posicionamento de objetos e equipamentos, você precisa separar uma parte do seu orçamento para uma equipe médica de prontidão no evento. Desse jeito, a qualquer sinal de problemas ligados à saúde de algum participante, os profissionais não perderão tempo em prestar auxílio ao idoso em questão.

Em seu portfólio de produtos, a PasseVIP conta um uma série de pulseiras e sistemas de identificação capazes de atender a equipe de organização de maneira útil, segura e sem colocar em risco a integridade do idoso.

A pulseira Plastilock é um produto muito indicado para esse tipo de público. Altamente seguras, elas são confeccionadas em tecido confortável e anti-alérgico. Também oferecem uma infinidade de cores e possibilidades de personalização.

Para mais informações sobre este a pulseira Plastilock, acesse: http://passevip.com.br/pulseiras-identificacao/pulseiras-tecido/pulseiras-em-tecido-plastilock/

Todos os Direitos Reservados | PASSEVIP © 2013